10 Benefícios da Cúrcuma e da Curcumina Para a Saúde

2049

Você sabia que a cúrcuma é uma das substâncias da natureza mais benéficas para a saúde do ser humano? Da família do gengibre, ela apresentou diversos benefícios para o corpo especialmente para o cérebro, mediante estudos.

Neste artigo, falaremos dos 10 principais benefícios dessa raiz:

1) Compostos bioativos com potentes propriedades medicinais.

Muito tradicional na Índia, a cúrcuma sempre foi utilizada como tempero e como erva medicinal.

Após pesquisas, foi comprovado, de fato, que a substância carrega compostos com propriedades medicinais e eles são chamados curcuminoides.

Entre os mais importantes deles, está a curcumina, que é o principal ativo da cúrcuma. Ela possui efeitos anti-inflamatórios, além de ser um antioxidante muito poderoso.

2) Anti-inflamatório natural.

Como constatado em estudos, a curcumina possui efeitos anti-inflamatórios, sendo capaz de se igualar à medicamentos utilizados para esta finalidade.

A substância atua nas moléculas, mostrando-se extremamente eficaz para curar inflamações e curar doenças inflamatórias crônicas sem apresentar os efeitos colaterais dos medicamentos comuns.

3) Aumento da capacidade antioxidante do corpo.

A curcumina estimula os mecanismos antioxidantes do nosso corpo. Seus efeitos são muito poderosos e ajudam a combater os radicais livres.

4) É estimulante para o cérebro.

Você sabe o que é o hormônio BDNF?

As iniciais vêm do inglês e significam Fator Neurotrófico Derivado do Cérebro. Ele atua no crescimento de células cerebrais.

O consumo da curcumina estimula os níveis deste hormônio, agindo no crescimento de novos neurônios e combatendo doenças cerebrais.

Além disso, com o aumento dos níveis de BDNF, a memória de um individuo também é estimulada e pode deixar a pessoa mais esperta, ou seja, com raciocínio mais ágil.

5) Redução do risco de doença cardíaca

Além de todos os benefícios já citados, o consumo desta substância pode ajudar a reverter as cardiopatias, doenças que podem afetar o coração e os vasos sanguíneos, incluindo problemas estruturais e coágulos.

Por sua ação anti-inflamatória, a curcumina melhora a ação do endotélio, que é a camada celular que reveste o interior dos vasos sanguíneos e linfáticos, tornando-os mais fortes e menos propensos a doenças ou acúmulo de coágulos.

6) Prevenção ao câncer

Estudos também constataram que a curcumina pode ter ação muito forte para prevenir o câncer, doença em que as células anormais se dividem incontrolavelmente e destroem o tecido do corpo.

Segundo os pesquisadores, a substância provou ser eficiente para o tratamento da doença, pois ela é capaz de atuar em nível molecular, reduzindo as chances de uma divisão incorreta ou sem controle.

7) Prevenção e no tratamento do mal de Alzheimer

Doença generativa mais comum e principal causa de demência no mundo, o mal de Alzheimer não tem cura e sua prevenção pode ser crucial para evitar o surgimento da doença.

No que diz respeito à curcumina, ela também se mostrou muito eficiente para prevenir tal doença. Isso porque a substância é capaz de desobstruir as chamadas placas amiloides.

Trata-se dos depósitos de proteínas que bloqueiam e matam os neurônios do cérebro. Com eles mortos, as conexões não acontecem e uma série de informações, como as memórias, por exemplo, são total ou parcialmente perdidas.

Desta forma, o consumo regular de curcumina pode retardar ou até retroceder o avanço da doença de Alzheimer.

8) Eficácia no tratamento de pacientes com artrite

Essa raiz se mostrou uma ótima substância para tratar pacientes com artrite devido ao seu alto teor anti-inflamatório.

Esta doença é a inflamação de uma ou mais articulações, causando dor e rigidez em várias partes do corpo, especialmente braços e pernas, e pode piorar com o avanço da idade.

9) Benefícios sobre a depressão

A depressão é um distúrbio mental que se caracteriza pela perda de interesse em atividades, prejudicando significativamente o dia a dia. E a curcumina também é capaz de auxiliar no tratamento desta doença.

Em um estudo controlado, 60 pacientes foram divididos em três grupos. Um deles usou Prozac, um medicamento específico para o tratamento da depressão, o outro consumiu a curcumina e o terceiro grupo tomou Prozac e curcumina.

Depois de seis semanas, foi constatado que o grupo que consumiu apenas curcumina teve melhorias muito parecidas com as apresentadas pelos pacientes que consumiram Prozac. O grupo que consumiu as duas substâncias apresentou um quadro ainda melhor.

10) Combate ao envelhecimento e doenças crônicas da idade

Já constatamos que a curcumina é uma substância capaz de ajudar, principalmente, doenças que estão relacionadas ao avanço da idade, como a artrite e a doença de Alzheimer.

Logo, nada mais natural do que ela também auxiliar no combate ao envelhecimento e doenças crônicas que costumam aparecer a partir dos 60 anos.

Isso tudo só é possível devido a sua composição, cujos elementos proporcionam a ação anti-inflamatória e antioxidante. Dessa forma, ela se torna um ativo crucial no combate às doenças que surgem durante o processo de envelhecimento.


PS: Se você está buscando uma forma para emagrecer rápido e com saúde, te convidamos a conhecer nosso programa "Em Forma Em 10". Já ajudamos centenas de pessoas a emagrecer e gostaríamos muito de poder te ajudar também. Para conhecer, só clicar aqui ou na imagem abaixo. em forma em 10
E aí, gostou dessa dica? Fala pra gente nos comentários! E compartilhe com seus amigos! Vamos levar informação de qualidade pro Brasil!
 

Comentários